segunda-feira, 15 de junho de 2009

Tristeza


Tremo na chuva
e a vontade Real de cair
de finalmente deixar-me caIr
apodera-Se de mim
algures na noiTe
a Esperança que me sorria
a certeZa de que vivia tinha que acabar,
como a noite que perde o luAr

10 comentários:

Anônimo disse...

Quando a noite perde o luar é lua nova. E se ficamos tristes quando isso acontece é só porque nos esquecemos que se olharmos para o céu veremos muito mais estrelas...

Beijos da mumy.

Gingerbread Girl disse...

Primeiro um texto sobre suicídio e agora este, que vai dar mais ao mesmo ao mesmo...

"a certeZa de que vivia tinha que acabar,
como a noite que perde o luAr


Mau... toca a arribar!

orkide@ disse...

Quanta tristeza Menino do Mar!!!

Passei por aqu e gostei do que li.

Voltarei mais vezes...

Após a Noite, vem sempre um novo Dia, onde o Sol Brilha com maior ou menor intensidade....
Resta-nos tirar todo o proveito possivel desses raios de sol (ainda que muitas das veze mal se vejam).

Bj

lagrima disse...

Fantástica essa imagem! Olha só, a chuva a saltar nas costas!
O espelho perfeito da tristeza, do desanimo.
É lindo esse poema!
Ambos encaixam tão bem um no outro que presumo que ambos são tesouros teus!
Beijo, Menino do Mar!

Paraguaya disse...

Oie amigo fofo.

Olha, sua postagem de hj é para mim... Estou triste, o textinho é compativél ao que sinto.

Uma semaninha abençoada.

Abraços apertados.

Te gosto muitooooo.

sakura disse...

Voltei de férias e dou de caras com este post...que se passa Menino? Por onde viajas com o pensamento que te leva para esta praia?...uma praia chamada Tristeza...
Anima-te!
Beijinho da *flôr*

Menino do mar disse...

Mumy:
Mas há estrelas que fazem o céu tão mais lindo.. :)

Ginger:
:) Obrigado pelas palavras, mas nada de medos... não há aqui nenhum suicida oculto. Por estranho que pareça, o encadeamento dos post foi mera coincidência. Não reflectem nenhum tipo de estado mais down... não mesmo.

Orquidea:
Obrigado pela visita. :)
A tristeza neste post foi momentânea... don't worry :)

Lagrima:
Infelizmente a minha arte, ou pseudo-arte, não chega a tanto, não sei desenhar...
Beijo

Paraguaya:
Então? Triste por quê? A resposta não foi a que esperavas? Não desanimes, tudo se resolve :)
Beijo de cá do oceano :)

Flôr:
Praia da Tristeza... um bom título para um livro... :)))
Não te preocupes, foi momentaneo. Nada que um banho de mar e de abraços não resolva :)
Beijo

A Gata Christie disse...

Muito triste, mas lindo...

Pure disse...

Bonito!

Paraguaya disse...

Menininho querido.

Tem um selinho e desafio especial pra vc no meu blog. Quero ver vc realizando tabom. Bejim com carinho.