segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Na porta da minha casa


Tenho um saquinho de veludo que trago sempre comigo. Nele guardo as estrelas tímidas que se escondem do sol durante o dia.
À noite, quando chega a Lua, abro os cordões de pele, e, devagarinho, deixo-as sair uma a uma.
Povoam o céu azul pesado alegremente. Por vezes, descubro uma ou outra adormecida no fundo do saco. Tomo-a nas mãos e, com um leve sopro, embalo-a para o firmamento.
Quando já estão todas nas suas posições, deito-me de costas na relva fresca e fico a vê-las gozarem da companhia da bela mãe Lua, protectora das estrelas.
No momento em que a aurora começa a desbravar o horizonte nocturno, abro novamente o pequenino saco de veludo e ponho-o a meus pés, sobre a relva que me servira há bem pouco tempo de leito.
Uma a uma vão-me sorrindo e saltando para dentro do saco. A última, como sempre, é a estrela da manhã. Tenho que a chamar e prometer-lhe que a deixo ser a primeira a sair na próxima noite.
O sol está a subir no céu e olha-me com um ar zangado, no exacto momento em que puxo os cordões de pele. Sorrio-lhe e vou até casa. São horas de dormir. Mais uma noite que passou.

Na porta da minha casa, tenho o mais belo cinema do mundo. Um universo de estrelas em exibição, noite após noite, só para mim.

10 comentários:

Anna disse...

Vejo-te como um guardião atento, um anjo protector desses pequenos seres etéreos.

Ora as libertas e deixas voar pelo firmamento, sob o olhar embevecido duma mãe Lua, orgulhosa, doce e apaixonada... ora voltas a abraçá-las no teu seio, porque sabes que, embora sejam livres, sem cordões nem limites, também essas pequenas estrelas ficam vulneráveis perante a imponência do pai Sol, cioso de ocultar as suas filhas...

Guarda-as bem! Diriam que confiam na tua protecção, esses pequenos pontos de luz...
*

Lia disse...

qd era pequenina a minha mãe dizia que as estrelas eram os anjos que estão lá para nos proteger...

tenho saudades de ver um céu estrelado, na cidade, com tanta luz, até parece que não há estrelas no céu (e agora parecia o Rui Veloso)

anaferro disse...

Ainda ontem olhei para o céu e vi mais estrelas do que é costume. Agora já sei, abriste bastante os cordões do saco e elas, saltitonas, lá se puseram a postos para brilhar!

sakura disse...

O que pedi às estrelas...elas trouxeram até mim num dia de fim de Primavera...sob a forma de alguém muito doce, muito especial. Para mim, todas as estrelas são importantes. E sabes, meu amor, nunca me canso de lhes agradecer...por te terem colocado no meu caminho :)

Beijo imenso
Flor

Kikas disse...

concordo com a Lia.. não no mesmo sentido, mas hoje em dia fazem falta estrelas em nós próprios, nos nossos corações. e já não há estrelas no céu, em muitos desses casos.
(sem nexo, eu sei)

Maçã e Canela disse...

Acabou a pausa.

Anna disse...

Diria que abriste os cordões e que as estrelas que guardas se espalharam por todo o céu esta noite - por aqui, cobre-nos um manto de pequenos e cintilantes pontos de luz! :)

Anônimo disse...

Wow this was a great post.. I' m enjoying it.. good resource

Anônimo disse...

Hello!

Nowadays getting a good job is not an easy task.
If you are looking for a job check out an interesting [url=http://www.headhunterfinder.com]Headhunters [/url] directory.
Thanks to them i found a specialized headhunter and i got a new job.
Good luck in your search and regards

Anônimo disse...

shalom I am Trying to find for men to join my Guild Caesary come check it out. and join my guild please! hawks raiders at http://www.lekool.com. Been playing Caesary game for 6 weeks. Caesary has been the best browser game in a long time!

[url=http://caesary.lekool.com]Caesary[/url]
[url=http://caesary.lekool.com]browser based[/url]
[url=http://video.lekool.com]Game Videos[/url]
[url=http://dc.lekool.com]Game Videos[/url]